Menos médicos

 21 de janeiro de 2015 | Olhar Direto – MT

Mesmo tendo grave carência de profissionais, Cuiabá continua fora do Programa Mais Médicos, do governo Dilma. E, caso o prefeito Mauro Mendes (PSB) não inscreva a Prefeitura Municipal no programa e solicite médicos do programa, a Capital continuará a sofrer com a falta de profissionais nas unidades de saúde. É fato que Cuiabá atende pacientes de todo o Estado, principalmente no Hospital e Pronto-Socorro Municipal e nas demais unidades de sanitárias. Em verdade, não existe justificativa plausível para Cuiabá ainda não ter aderido ao programa Mais Médicos. Antes de completar metade do mandato, administração Mauro Mendes nomeou Ary Soares Júnior, em dezembro, seu terceiro secretário municipal de Saúde — o primeiro foi Kamil Fares e o segundo Werley Peres. Faltam médicos nas policlínicas, postos de saúde da família, na Upa Morada do Ouro e no Pronto-Socorro Municipal, entre outras unidades. O Ministério da Saúde esclarece que o objetivo é assegurar profissionais em municípios com dificuldade de contratação na Atenção Básica e a inscrição termina no próximo dia 28. Ou será que o prefeito acredita que a saúde em Cuiabá está ótima e não precisa de Mais Médicos?

FacebookTwitterGoogle+